Na coletiva o governo fez anúncios de auxílios a setores afetados e corte de impostos, mas se incomodou quando questionado sobre informar restrições que ele mesmo afirmou que faria.

Publicado: 17/03/2021 – Atualizado às 14h21

Foto: Reprodução
Foto: Reprodução

Em nova coletiva de imprensa realizada na tarde desta quarta-feira, 17 de março de 2021, com a presença do governador João Doria, secretários e especialistas na área da saúde que compõe o Centro de Contingência da Covid-19, foi anunciado

a antecipação da vacinação para idosos com idades entre 72 e 74 anos, corte de impostos no leite e carne e nova linha de crédito para o comércio, além de uma redução do fluxo de passageiros no transporte público.

Entretanto como por ele informado na parte da manhã que hoje seriam feitos novos anúncios de medidas restritivas tendo em vista o estado grave da ocupação de leitos hospitalares, “Anunciaremos medidas adicionais que certamente serão adotadas. Nós estamos diante de um quadro gravíssimo e dramático, não apenas em São Paulo, mas em todo o Brasil’, durante a entrevista e ao ser questionado por um dos jornalistas, Doria se incomodou e criticou a imprensa como se estivessem ditando o que ser falado por ele e seus subordinados.

“Quem pauta as decisões não é a imprensa, é o Centro de Contingência”, disse o governador.

INFORMAÇÕES DA COLETIVA

Apesar da crítica, foi anunciado pelo Governo do Estado de São Paulo ações voltadas no campo da economia e da saúde. Veja abaixo:

* Vacinação antecipada para idosos em todo o Estado para idades entre 72 e 74 anos sendo iniciada na próxima sexta-feira, 19 de março, mas é necessário este público ficar atento ao calendário de vacinação aplicada em sua respectiva cidade;

* Nesta manhã foram entregues mais 2 milhões de doses da vacina CoronaVac ao Governo Federal;

* Anuncio da redução de impostos nas carnes (suína, bovina e frango) de 13% para 7% de tributos e zerado o ICMS do leite, isto começando a valer em abril deste ano;

* Outra medida foi a disponibilização de R$ 100 milhões por meio do Banco do Povo para pequenos e microempresários na área de bares, restaurantes, academias, comércio, salões de beleza e eventos.

O governo afirmou que o escalonamento das atividades de trabalho estão ajudando no isolamento social que caiu um pouco, como também diminuiu um pouco o número de passageiros no transporte público, conforme tabela abaixo de um comparativo entre a semana passada e essa terça (16), se destacando a suposta diminuição de 58% na CPTM e 64% no Metrô de São Paulo.

Foto: Divulgação Governo do Estado de São Paulo

Quer receber nossos textos assim que publicados? Acesse nosso grupo no Telegram (https://t.me/diariodacptm)

Nossas redes sociais
Facebook – http://www.facebook.com/oficialdiariodacptm
Twitter – http://www.twitter.com/DiariodaCPTM
Instagram – http://www.instagram.com/diariodacptm


1 comentário »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.