A licença de instalação que autoriza o começo das obras foi publicado nesta sexta no Diário Oficial.

Projeto da nova estação. Foto: Divulgação CPTM

A Linha 9-Esmeralda da CPTM vai ganhar mais uma estação. A nova parada será a estação João Dias e será construída totalmente pela iniciativa privada. O início das obras foi autorizado hoje, através da licença de instalação publicada no Diário Oficial do dia 10/01/2020.

Orçado em 60 milhões de reais, as obras da nova estação, localizada entre as estações Santo Amaro e Granja Julieta, serão gerenciadas pela Brookfield Properties, empresa do Grupo Brookfield responsável pelo empreendimento comercial localizado ao lado do empreendimento. A construção estará a cargo da Construtora Telar, por meio de um contrato firmado entre as duas empresas.

“A futura Estação João Dias, construída a partir de uma parceria com a iniciativa privada, não beneficiará apenas as pessoas que trabalham no empreendimento, mas também levará mais opções de mobilidade a todos que circulam pela zona sul de São Paulo”, afirma Pedro Moro, presidente da CPTM.

O prazo de execução das obras são de pouco mais de dois anos e meio (31 meses) e caberá a CPTM, avaliar que intervenções serão necessárias na Marginal Pinheiros e nas linhas da via para a execução das obras. Ao término da construção a expectativa é de atender mais de 10 mil passageiros por dia na estação que será doada a CPTM no ato da inauguração.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.