Serão usados quase 1 mil caminhões para tampar a cratera que se abriu nesta terça (1).

Publicado: 02/02/2022

Foto: Reprodução TV Bandeirantes

A Prefeitura de São Paulo e o Governo do Estado iniciaram na noite desta terça-feira, 1º de fevereiro de 2022, o plano de contingência para evitar que a cratera na obra do Metrô da Linha 6-Laranja, continue aumentando de tamanho.

Quase 1 mil caminhões de rochas densas e o uso de toneladas de concreto estão sendo despejadas no buraco da obra e na cratera que se abriu e engoliu parte da pista local da Marginal Tietê.

O objetivo é promover uma estabilização do solo, evitar o avanço do desmoronamento e assim diminuir um pouco dos transtornos, trazendo mais segurança. Depois da concretagem, o esgoto que tomou conta do espaço será drenado.

A prefeitura espera em dez dias a partir de hoje liberar a pista central da Marginal e a pista local sem prazo para liberação.

Até o momento, o acidente é atribuído a ruptura de um túnel de esgoto construído pela SABESP há poucos anos, e que coleta esgoto de ruas da região central e bombeia até Barueri, onde é tratado e devolvido como água potável.

Não teria sido o tatuzão que acertou o leito do rio, ou o responsável direto pelo dano a obra a princípio.

Junto com a SABESP, a Secretaria dos Transportes Metropolitanos, criou um comitê para analisar as causas do acidente e combinar ações em conjunto para minimizar os impactos na população.

Leia abaixo a nota da STM a respeito deste assunto:

“A Secretaria de Transportes Metropolitanos e a Sabesp acompanham o incidente no Poço de Ventilação da Linha-6 Laranja do metrô e o rompimento da tubulação de esgoto ao lado das obras.

Na manhã de hoje (2), o Diário Oficial do Estado publicou a constituição do comitê criado pela Secretaria dos Transportes Metropolitanos em conjunto com a Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente que irá apurar, dentre outras providências, os fatos e responsabilidades relacionados ao incidente, monitorar o cumprimento das providências necessárias e assegurar a transparência das medidas adotadas.

O Comitê será integrado por profissionais com expertise nas áreas técnica, financeira, jurídica e de comunicação. O Comitê ainda poderá convidar representantes de entidades da administração direta ou indireta do Estado de São Paulo, da Prefeitura Municipal de São Paulo e de Concessionárias de Serviços Públicos, para participar dos trabalhos, visando a adoção de medidas para a rápida normalização do tráfego local e da retomada das obras.

Na tarde de ontem (1⁰), foi realizada a primeira reunião do comitê, com a participação de 20 pessoas envolvidas na solução da situação.”


Quer receber nossos textos assim que publicados? Acesse nosso grupo no Telegram (https://t.me/diariodacptm)

Nossas redes sociais
Facebook – http://www.facebook.com/oficialdiariodacptm
Twitter – http://www.twitter.com/DiariodaCPTM
Instagram –  https://www.instagram.com/diariodostrilhos/

Redes Sociais dos autores das matérias:
https://www.instagram.com/ricardobrmorato/
https://www.instagram.com/willianmoreira_fotojornalismo/

1 comentário »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.