De acordo com o prefeito, o aumento do diesel é o responsável e culpou o governo Bolsonaro por não conter as elevações do combustível.

Publicado: 04/11/2021

Foto: Diário dos Trilhos

O preço da tarifa do transporte coletivo da cidade de São Paulo vai aumentar no próximo ano. A informação é do prefeito, Ricardo Nunes, em entrevista a Rádio Eldorado.

Segundo ele o reajuste é inevitável, e o principal responsável em sua avaliação é “o governo federal que não conseguiu conter”, o aumento do diesel, combustível dos ônibus.

Mas se os preços retornarem ao que era praticado no começo de 2021, o preço atual de R$ 4,40 para o bilhete comum e R$ 4,83 no vale-transporte deve ser mantido.

“Se o preço do óleo diesel voltar ao patamar que estava no início do ano, a gente não vai ter aumento. Agora, a tendência é que o diesel feche o ano aumento 60%. É praticamente impossível você não ter isso refletido na tarifa”
, disse o prefeito.

Uma alternativa citada por Nunes seria aumentar o subsídio dado as empresas de ônibus para impedir um aumento.

Apesar de não ser movido a diesel, o  transporte metroferroviário sempre acompanhou o reajuste dos ônibus da capital, sendo provável que em caso de aumento, Metrô e CPTM também pratiquem o novo preço.

Quer receber nossos textos assim que publicados? Acesse nosso grupo no Telegram (https://t.me/diariodacptm)

Nossas redes sociais
Facebook – http://www.facebook.com/oficialdiariodacptm
Twitter – http://www.twitter.com/DiariodaCPTM
Instagram –  https://www.instagram.com/diariodostrilhos/

Redes Sociais dos autores das matérias:
https://www.instagram.com/ricardobrmorato/
https://www.instagram.com/willianmoreira_fotojornalismo/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.