Segundo a empresa não será possível atender todos os pedidos por gasolina e diesel em novembro.

Publicado: 20/10/2021

Foto: Diário dos Trilhos

A Petrobras informou nessa segunda-feira, 18 de outubro de 2021, que não vai conseguir atender pedidos das fornecedoras de combustíveis no mês de novembro. Os insumos afetados são a gasolina e o diesel, vitais para o transporte público.

No comunicado a empresa explica que recebeu mais pedidos que o esperado e acima do que vinha recebendo se comparado com os meses anteriores, não comportando sua capacidade de produção.

Um comparativo foi mostrado dizendo que em 2019 para o mesmo período dos dias atuais houve um aumento de 20% no pedido pelo diesel e 10% pela gasolina.

Segundo a Associação das Distribuidoras de Combustíveis Brasilcom, isto coloca o Brasil em risco de desabastecimento, uma vez que as empresas não conseguem comprar a quantidade necessária de outros países devido aos custos elevados do mercado externo e da cotação do dólar em relação ao real.

A pouco mais de duas semanas foi efetuado o aumento mais recente na gasolina e gás de cozinha.

Saiba mais: https://diariodostrilhos.com/2021/10/08/gasolina-e-gas-de-cozinha-aumentam-novamente-neste-sabado-9/

Quer receber nossos textos assim que publicados? Acesse nosso grupo no Telegram (https://t.me/diariodacptm)

Nossas redes sociais
Facebook – http://www.facebook.com/oficialdiariodacptm
Twitter – http://www.twitter.com/DiariodaCPTM
Instagram –  https://www.instagram.com/diariodostrilhos/

Redes Sociais dos autores das matérias:
https://www.instagram.com/ricardobrmorato/
https://www.instagram.com/willianmoreira_fotojornalismo/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.