Governador João Doria em coletiva nesta quarta-feira (30) estipulou uma data. Profissionais da área da saúde serão os primeiros a receber a vacina.

Publicado: 30/09/2020

Movimento de passageiros em trens lotados da CPTM. Foto: Diário dos Trilhos

Em coletiva de imprensa na quarta-feira, 30 de setembro de 2020, o governador do Estado de São Paulo, João Doria, anunciou a data prevista para iniciar a vacinação contra o coronavírus em São Paulo, assinando um contrato com o laboratório chinês SINOVAC de transferência de tecnologia e recebimento de 46 milhões de doses.

Segundo contrato, em dezembro São Paulo irá receber 46 milhões de doses da vacina e outras mais 16 milhões de doses em fevereiro de 2021. Desta forma a partir de 15 de dezembro de 2020, profissionais da área da saúde (médicos, enfermeiros, outras especialidades, e derivados) serão os primeiros vacinados.

Na sequencia a este grupo, outra parte da população será vacinada.

“São Paulo não perde tempo, quer ganhar vidas”, disse Doria

O governo também anunciou que leitos de UTI destinados ao uso para pacientes com Covid, parte deles será realocada para atender pacientes de outras doenças graves, já que a taxa de ocupação vem em queda por pelo menos dez semanas consecutivas.

O cronograma será este caso não haja alterações e também é necessário que a ANVISA aprove a vacina.

“Haverá tempo suficiente no protocolo da Anvisa para que ela analise tecnicamente. Espero sua aprovação”, explicou Doria.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.