A afirmação é do candidato a Prefeitura de São Paulo em entrevista para o El País.

Publicado: 15/09/2020


Em entrevista para o Jornal El País, o candidato a Prefeitura de São Paulo pelo Partido Socialismo e Liberdade (PSOL), Guilherme Boulos, falou sobre projetos voltados para a mobilidade urbana.

Dentre alguns de seus projetos, está a possibilidade de usar internet no transporte coletivo, com pontos de Wi-Fi em todos os ônibus, corredores e pontos. Outra ação é o incentivo do uso de bicicletas por mais pessoas na cidade, investindo em ciclovias.

Boulos explicou que o modo atual onde a periferia é apenas moradia e os empregos se concentram na região central tem que mudar, com centros comercias e empresas se instalando mais afastados do centro, desta forma os deslocamentos seriam menores e também o uso do transporte melhoraria, já que o emprego perto de casa, promove deslocamentos menores.

“Empresários ao invés de fazerem centros comerciais ou centros de serviços no Centro Expandido onde já tem muito emprego, façam na periferia. Isto é melhor para a cidade, inclusive na mobilidade, pois o drama é que alguém sai do fundão da M Boi Mirim e demora mais de 2 horas para ir para seu local de trabalho”, disse Guilherme Boulos.

Já voltado aos ônibus, o candidato do PSOL disse que empresários de ônibus que tem esquemas com a prefeitura, devem temer ele, isto em resposta a uma pergunta se o empresariado deve ter medo caso ele seja eleito.

Explicando sobre a importância do trabalho Home Office como maneira de diminuir o deslocamento no transporte, ele citou a importância da internet em vários espaços públicos em São Paulo, prometendo os pontos de Wi-Fi no transporte coletivo, mencionado acima.

Por fim o ultimo tema no assunto de mobilidade foram as ciclovias, onde a intenção é manter as que já existem e estudar maneiras para uma expansão, inclusive incentivando o uso, não fazendo de uma maneira dita por ele de ser feita sem ouvir os moradores locais, gerando antipatia com o modal.

“A minha idéia é não apenas garantir a manutenção das (ciclovias) existentes, mas estudar formas de ampliação”, concluiu.

* Imagem da matéria meramente ilustrativa, tirada antes da pandemia.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.