De acordo com o  Governador João Dória, agora será adotado uma “quarentena inteligente”.

Publicado: 26/05/2020

Em entrevista a Globo News nesta segunda-feira, 25 de maio, o Governador de São Paulo, João Dória, informou que amanhã quarta-feira, será anunciado as medidas que vão ser adotadas no combate ao coronavírus.

Dória disse que apesar do protocolo do lockdown estar pronto, não tem a intenção de colocar ele em prática agora, mas sim adotar uma nova medida chamada por ele de “quarentena inteligente”, onde as medidas de distanciamento social e combate ao vírus serão tomadas de forma regionalizada, ou seja, cada região de cidades ou um município por exemplo, realizando ações diferentes de outros.

Isto significa que por exemplo, a cidade A no interior, tem 600 casos e a cidade B tem 9 mil casos. Pela diferença de casos e localidade, levando em conta também o numero de leitos disponíveis e habitantes locais, a cidade A terá maior flexibilização do comércio e a B medidas mais rígidas ou manter a quarentena atual.

“Neste momento não há perspectiva de lockdown imediato em São Paulo, mas o protocolo existe, ou seja, neste exato momento nós não vamos decretar lockdown nem na capital de São Paulo, nem em nenhuma outra cidade do estado de São Paulo, nós temos 645 municípios aqui, mas o olhar é diário, o acompanhamento é feito diariamente”, explicou Dória

O governador confirmou que a quarentena será prorrogada, porém cada região como explicado acima, vai variar de índices e fatores que o governo e o comitê de saúde irão analisar.

“Para ser muito preciso, nós teremos uma nova quarentena. Mas será uma quarentena inteligente, porque levará em consideração toda a regionalização de São Paulo, do interior, da capital e da região metropolitana, do litoral. A decisão não será homogênea. Até agora ela foi homogênea em todo o estado porque ela precisava ser. Agora, nós temos a condição de fazê-la heterogênea, seguindo as orientações do comitê de saúde. Áreas e regiões em que possamos nessa quarentena inteligente ter um olhar diferente, nós vamos fazer. Aonde não for possível porque os riscos e índices indicam que não devem, não haverá” (João Dória)

A região da Grande São Paulo deverá ter a quarentena atual mantida ou pouco alterada, mesmo com a migração de casos para litoral e interior, os municípios no entorno da cidade de São Paulo e a própria capital paulista se mantém como epicentro da Covid-19 no Brasil.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.