Uma família viral que causa infecções respiratórias, alguns já identificados como SARS (Síndrome Respiratória Aguda) MERS (Síndrome Respiratória do Oriente Médio), e atualmente o Coronavírus (Covid-19).

Qual a diferença do novo vírus para os demais?

A infecção do Covid-19 pode ser de leve a moderada, pessoas com imunidade baixa ou outras doenças respiratórias podem ter seu quadro agravado e até mesmo ser levado a óbito.

Até o momento não existe vacina para o Coronavírus, cientistas ao redor do mundo inclusive em São Paulo trabalham para um possível desenvolvimento da cura ou controle da doença.

Quais os sintomas do Coronavírus?

São semelhantes ao de uma gripe comum, porém pode causar infecção no trato respiratório inferior como a pneumonia. Podendo apresenta febre, tosse seca, coriza e dificuldades em respirar.

O novo vírus tem seu contagio mais rápido e por ser resistente podendo ficar até 14 horas incubado até a infecção acaba por ser facilmente contagiado entre as pessoas.

Arte: Governo do Estado de São Paulo

Coronavírus pode levar a morte?

A Organização Mundial da Saúde confirma até o momento em torno de 2 a 3 % de casos de óbitos, sendo constatado em pessoas com idade mais avançada ou com problemas respiratórios já existentes.

Como o Coronavírus é transmitido?

A transmissão ocorre de uma pessoa infectada que pode ter conhecimento da infecção ou ainda estar com o vírus incubado, pode ocorrer a transmissão por contato pessoal a secreções contaminadas ou pelo ar como: espirros, gotículas de saliva, tosse, contato físico com pessoa infectada como aperto de mão, beijo, contato com objetos ou superfícies contaminada como corrimão, seguido do contado com boca, nariz ou olhos.

Arte: Governo do Estado de São Paulo

Como se prevenir contra o Coronavírus?

* Lave as mãos com água e sabão por 20 segundos, use antisséptico de mãos a base de álcool;
* Cobrir a boca e nariz quando tossir e espirrar;
* Evite toca boca, nariz e olhos sem antes lavar as mãos;
* Use lenço de papel descartável;
* Não compartilhe seus objetos pessoais;
* Limpe com frequência o ambiente e mantenha arejado.

O que fazer no caso de sintomas?

Procure o serviço de saúde mais próximo, exames serão feitos para identificar uma possível contaminação; o diagnóstico é feito através de coleta de materiais respiratórios (aspiração de secreção de vias aéreas ou coleta de secreção de nariz e boca) se positivo é indicado repouso, hidratação (consumo de bastante líquidos), o médico poderá prescrever para cada caso uso de antitérmicos para febre e analgésicos, no caso de sintomas mais intensos o paciente poderá ser hospitalizado.

Por que e o que é o isolamento domiciliar?

O isolamento se dá para pessoas contaminadas pelo vírus, uma conduta que está sendo utilizada para que o vírus não se propague, a depender do caso do paciente, o isolamento evita que ele contamine outras pessoas, até mesmo em hospitais; em casos de sintomas mais graves o médico poderá pedir a internação.

Evitar ao máximo o contato próxima com pessoas, evitar local com muita aglomeração, compartilhar objeto de uso pessoal e no caso de suspeita procurar um médico imediatamente, o isolamento é pensando em pessoas mais vulneráveis que podem contrair o vírus e ser levado á óbito.

Fonte e arte explicativa: Governo do Estado de São Paulo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.