Prazo dado pelo secretário do dia 15 de junho não foi cumprido e agora o retorno do trecho interrompido não tem data definida.

Publicado: 16/06/2020

Foto: Diário dos Trilhos

O monotrilho da Linha 15-Prata do Metrô entrou na segunda-feira, 15 de junho na chamada “Operação Branca” que é quando os trens circulam normalmente, mas sem passageiros dentro, em forma de testes.

Havia a promessa do Secretário de Transportes Metropolitanos, Alexandre Baldy que os trens retornariam até São Mateus na segunda passada, entretanto isto não aconteceu.

De acordo com a pasta do governo, a Bombardier fabricante dos trens, não entregou os laudos/documentos que liberem a operação entre Jardim Planalto e São Mateus, que segue atendida por ônibus do sistema PAESE.

Ao ser questionado sobre a linha no twitter, Baldy disse:

“O consórcio iniciou no dia 15 a “Operação Branca” para concluir os testes e garantir a segurança necessária a todos na retomada desse trecho. Assim que a Bombardier nos posicionar sobre a liberação, que deve ocorrer nos próximos dias, aviso a voces. Seguimos firmes na cobrança.”

Até o momento não foi cravada uma data para o retorno completo da linha que chegou a ficar 90 dias interrompida, mas os testes até São Mateus ocorrem diariamente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.