Contrato de concessão de 30 anos começa a contar a partir desta quinta (27).

Publicado: 27/01/2022

Foto: Divulgação ViaMobilidade

A partir desta quinta-feira, 27 de janeiro de 2022, a concessionária ViaMobilidade Linhas 8 e 9 do Grupo CCR, assume oficialmente todas as operações das linhas 8-Diamante e 9-Esmeralda, concedidas para a iniciativa privada por 30 anos em um leilão vencido pelo grupo por R$ 980 milhões.

Neste longo período da concessão, a empresa deverá realizar investimentos e melhorias que devem ser percebidas pelos passageiros ao longo dos anos.

Entre as ações obrigatórias por contrato, estão a modernização de estações, ampliação da acessibilidade para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida, a construção de um CCO (Centro de Controle Operacional) em Presidente Altino, a construção da estação Ambuitá na Linha 8-Diamante e a compra de 36 novos trens, um investimento total de R$ 3,8 bilhões.

Os 36 novos trens já tiveram seu contrato assinado com a Alstom, e são da Série 9000, compostos com oito carros cada (vagões), capacidade para 2.600 passageiros por viagem, interligação entre os carros para melhor circulação das pessoas, portas mais largas para melhorar o embarque e desembarque, com a primeira composição chegando no décimo oitavo mês da concessão, ou seja, no segundo semestre de 2023.

Até lá a frota das duas linhas será compostas por trens das séries 5400 (modernizados), 7000, 7500 e 8500 (cedidos pela CPTM que depois serão devolvidos).

“O início da operação da ViaMobilidade Linhas 8 e 9 representa um marco na história do transporte em trens na Região Metropolitana de São Paulo. A excelência operacional da ViaMobilidade e o conceito de mobilidade humana aplicado pela concessionária na gestão dos ativos resultarão em um modelo muito positivo para o transporte metropolitano sobre trilhos. São mudanças que vão acontecer gradualmente e serão sentidas pelos passageiros ao longo do tempo de adaptação”, afirma Francisco Pierrini, diretor-presidente da ViaMobilidade Linhas 8 e 9.

A partir de agora quaisquer queixas com problemas nas linhas, reclamações ou outros assuntos devem ser tratados com a concessionária, essa que disponibilizará canais de atendimento ao cliente.

A linha 8-Diamante conta com 22 estações ao longo de 41,6 quilômetros, ligando Júlio Prestes a Amador Bueno, com a construção da Estação Ambuitá, serão 23 estações. Já a linha 9-Esmeralda integra Bruno Covas – Mendes – Vila Natal a Osasco, com 20 estações. Com a extensão entre Grajaú e Varginha, a linha 9 passará a ter 37 km de extensão e 21 estações.

Quer receber nossos textos assim que publicados? Acesse nosso grupo no Telegram (https://t.me/diariodacptm)

Nossas redes sociais
Facebook – http://www.facebook.com/oficialdiariodacptm
Twitter – http://www.twitter.com/DiariodaCPTM
Instagram –  https://www.instagram.com/diariodostrilhos/

Redes Sociais dos autores das matérias:
https://www.instagram.com/ricardobrmorato/
https://www.instagram.com/willianmoreira_fotojornalismo/

2 comentários »

  1. Queria tirar uma duvida que nenhuma das empresas assume. Na linha 9, esmeralda, tem uma estação nova, Mendes Bruno Covas, onde o nosso governador inaugurou o ano passado (2021). Porém até hoje esta em fase de testes. A CPTM diz que agora é com a ViaMobilidade.
    Por outro lado a ViaMobilidade diz que não esta no contrato a finalização da estação. E agora, quem é o responsável?

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.