Usuário deste tipo de bilhete precisará fazer um novo Bilhete Único.

Publicado: 15/12/2021

Foto: Divulgação

A SPTrans informou que o cartão E-Facil deixará de ser aceito nos ônibus do transporte coletivo de São Paulo, a partir de 1º de janeiro de 2022.

O motivo da mudança é que antes o cartão foi criado para promover e incentivar a integração entre carro e o sistema de transporte público, já que era aceito também nos trens do Metrô e CPTM. Com ele o usuário podia estacionar seu veículo em um dos pontos conveniados integrados e podia realizar duas viagens no sistema metroviário ou ônibus urbanos.

Porém com o fechamento destes estacionamentos, o cartão perdeu sua principal função.

Quem tem o E-Facil, deverá solicitar um novo Bilhete Único Comum cadastrado, podendo também usar este novo BU nos ônibus, trens e Metrô.

Quem já possui um Bilhete Único com nome e CPF só precisará solicitar a transferência dos créditos pelo link https://www.sptrans.com.br/trocabilhete. A transferência ou emissão da 1ª via do Bilhete Único não tem custos ao passageiro.

Se o cartão E-Facil tiver saldo remanescente, o valor poderá ser transferido para o novo cartão.

Quer receber nossos textos assim que publicados? Acesse nosso grupo no Telegram (https://t.me/diariodacptm)

Nossas redes sociais
Facebook – http://www.facebook.com/oficialdiariodacptm
Twitter – http://www.twitter.com/DiariodaCPTM
Instagram –  https://www.instagram.com/diariodostrilhos/

Redes Sociais dos autores das matérias:
https://www.instagram.com/ricardobrmorato/
https://www.instagram.com/willianmoreira_fotojornalismo/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.