Estrutura que estava em construção seria para a futura ampliação da estação e atender maior fluxo de passageiros.

Publicado: 17/08/2021 – Atualizado 18:37

Foto: Reprodução TV Bandeirantes

A estrutura metálica que seria parte da futura ampliação da estação Santo Amaro da Linha 5-Lilás, desabou na tarde desta terça-feira, 17 de agosto de 2021. Primeiras informações citam operários feridos em razão da queda da nova ponte que desabou no Rio Pinheiros.

O Corpo de Bombeiros está no local prestando o atendimento inicial a duas vítimas que segundo o Major Palumbo, estão com ferimentos na cabeça, mas ferimentos sem maior gravidade. Os feridos já foram transportados para hospitais da região.

A estrutura que veio a cair, seria futuramente interligada com a plataforma da estação Santo Amaro da Linha 5-Lilás no sentido de Chácara Klabin. Ela seria um “novo corredor” para ampliar o espaço da circulação de pessoas e assim eliminar o gargalo que se forma no local devido a alta circulação de pessoas em especial no horário de pico.

Os trabalhos de construção da obra estavam em 68% aproximadamente e o total de estruturas metálicas utilizadas na construção de uma técnica em “V” dos seus pilares, utilizava 1.100 toneladas de metais.

75 operários estavam diretamente empregados no local que além de melhorar o espaço da estação da linha 5, também inclui a ampliação do corredor de transferência para a Linha 9-Esmeralda da CPTM, com oito novas escadas rolantes, quatro elevadores, nova área operacional para funcionários em um conceito arquitetônico moderno.

A previsão de entrega estava programa para 25 de janeiro de 2022, data do aniversário da cidade de São Paulo. Todo empreendimento estava orçado em R$ 96 milhões.

Nós do Diário estivemos no começo do mês acompanhando o andamento destas obras. Veja abaixo duas fotos da estrutura que desabou no rio, antes do ocorrido.

Passageiro que estava dentro da estação da CPTM, registrou o momento após o desabamento em que é possível ver que quase toda a ponte veio a cair.

Veja abaixo:

A operação da Linha 5-LIlás e Linha 9-Esmeralda não foi afetada até o momento.

O Diário dos Trilhos procurou a ViaMobilidade, responsável pela obra e por meio de nota informou que apenas dois funcionários de fato ficaram feridos e as causas do acidente serão apuradas.

Leita abaixo a nota na íntegra:

“A ViaMobilidade, concessionária responsável pela operação e manutenção da Linha 5-Lilás, informa que, na tarde desta terça-feira (17), parte da estrutura metálica da obra de extensão da Estação Santo Amaro cedeu sobre o Rio Pinheiros. Dois colaboradores da empresa responsável pela estrutura metálica ficaram levemente feridos e já receberam atendimento médico. A concessionária está apurando as causas do ocorrido. A Linha 5-Lilás opera normalmente.”

Quer receber nossos textos assim que publicados? Acesse nosso grupo no Telegram (https://t.me/diariodacptm)

Nossas redes sociais
Facebook – http://www.facebook.com/oficialdiariodacptm
Twitter – http://www.twitter.com/DiariodaCPTM
Instagram – https://www.instagram.com/willianmoreira_fotojornalismo/

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.