Número é resultado de uma pesquisa conduzida pela Prefeitura que aponta dez vezes mais casos que o atual relatado.

Publicado: 23/06/2020

Foto: Diário dos Trilhos
Foto: Diário dos Trilhos

A Prefeitura da cidade de São Paulo divulgou nesta terça-feira, 23 de junho, que a primeira fase do “inquérito sorológico”, onde um mapeamento da cidade iniciado no dia 10 de junho, vai descobrir por meio de amostragem, quantas pessoas estão ou foram contaminadas pelo coronavírus no município.

Após 5.416 exames em 96 bairros de São Paulo, foi constatado que pelo calculo empregado, 1,16 milhão de pessoas foram contaminadas pela Covid-19 com letalidade, ou seja, taxa de morte de 0,5%, representando 5 pessoas infectadas a cada 1 mil.

“O inquérito sorológico nos apresenta o real cenário de letalidade na cidade. A taxa de prevalência que aponta 1,16 milhão de pessoas já infectadas mostra que a taxa de letalidade é de 0,5%, ou seja, 5 pessoas a cada 1000 infectados, o que também é um dado de enorme importância para a montagem a estrutura de saúde para os próximos passos do enfrentamento da pandemia aqui na cidade de são Paulo”, destacou o Secretário Municipal de Saúde, Edson Aparecido em coletiva de imprensa.

Em cada casa selecionada, uma pessoa do grupo familiar teve uma amostra de sangue colhida e assim, foram contabilizadas as informações deste processo que ainda terá mais 4 fases.

O número chama a atenção, mas de acordo com a gestão municipal, isto significa que essas pessoas em algum momento tiveram contato com o vírus, desenvolvendo anticorpos, entretanto não estando imunes.

Proporção de casos leves e graves em relação ao total de casos de Covid-19 por distrito da cidade de São Paulo — Foto: Reprodução/Prefeitura de São Paulo
Foto: Divulgação Prefeitura de SP

O estudo ainda mostra que dos casos do coronavírus, entre 80% a 85% tem casos leves da doença, com os 15% desenvolvendo sintomas mais sérios. Mas também é destacado que as regiões mais afastadas como o Grajaú na Zona Sul da cidade, local com maior quantidade de casos por bairro. Se analisado por regiões, a Zona Leste é a área com mais casos.

Veja a tabela por regiões da cidade.

* Zona Leste: 12,5%
* Centro/Zona Oeste: 10,7%
* Zona Norte: 8,4%
* Zona Sudeste: 8,2%
* Zona Sul: 7,5%

Dados divulgados pelo Governo do Estado de São Paulo referentes aos índice de isolamento social no dia 22 de junho, segunda-feira, apontam que a capital ficou em 47%.




Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.