No dia 18 haveria a votação que já tinha sido adiada, agora o tema ficará para o mês de março de 2020.

Foto: Diário dos Trilhos

A votação que tem como objetivo limitar a quantidade de veículos de aplicativos como Uber e 99 foi adiado para 2020. O projeto de lei do Vereador Adilson Amadeu, voltará a ser debatido somente em março.

Na cidade de São Paulo existe em torno de 150 mil motoristas de app e cerca de 40 mil taxista na cidade, a preocupação é que com a limitação de motoristas o serviço pode passar a ser mais demorado e mais caros para cada usuário, além de muitos motoristas perderem sua fonte de renda principal, uma vez que um dos itens principais da PL 419/2018 de Adilson Amadeu é limitar o numero de carros por app ao no máximo a mesma quantidade de táxis na cidade, podendo assim deixar mais de 100 mil motoristas sem sua fonte de renda.

Além do mencionado acima, o projeto de lei tem pontos que levam a discordância entre muitas pessoas como:

  • Carros que tiverem placas fora de São Paulo não podem circular na capital
  • Carros alugados não poderão ser mais utilizados
  • Taxa acrescida aos apps referente a distancia percorrida pelos carros
  • Fiscalização de apps e cobrança de um valor a mais por cada corrida.

Essas mudança irão impactar no transito local como também na utilização de viagens por aplicativo entre os usuários, as empresas de apps aguardam a votação do projeto que deve novamente mobilizar os motoristas que tem lotado as sessões na plenária para protestar contra a nova lei.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.