Em assembleia realizada na noite desta terça-feira (12), a categoria decidiu por continuar com as ações em forma de protesto contra o Metrô.

Foto: Paulo Iannone/Sindicato dos Metroviários

Os funcionários do Metrô de São Paulo tomaram a decisão de continuar com o estado de greve que havia sido decretado na semana passada. Na assembleia de ontem a categoria definiu que seguirá com as ações como uso de adesivos nos uniformes e com a negociação com o Metrô para que seja ajustada das jornadas de trabalho. O Sindicato já vem denunciando medidas do governo estadual que pretende aumentar a carga de trabalho, ao invés de realizar concurso público e ou contratações para repor o quadro de funcionários.

Uma carta do sindicato será enviada a empresa pedindo informações sobre a mudança de função de alguns funcionários da corretiva, que devem agora operar trens também. Outro pedido é a contratação de novos funcionários por meio de concurso público. Uma nova assembleia foi marcada para a última semana do mês de novembro, e até lá as seguintes ações devem continuar:

– Continua o Estado de Greve;
– Ato das centrais contra o pacote de maldades do governo;
– Intensificação do uso do adesivo;
– Ninguém deve aceitar a 4x1x4x3 noturna!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.