O criminoso chegou a dar socos na vitima para roubar o celular

Por Willian Moreira

Estação Brás da CPTM onde aconteceu o roubo. Foto: Diário da CPTM

Uma mulher ficou ferida ao ser agredida por um assaltante logo após às 18h dentro da estação Brás da CPTM. Segundo relato da vitima, o bandido aproveitando o grande fluxo de pessoas, puxou do bolso dela o celular que e ao perceber a ação gritou e tentou segurar o aparelho, quando foi agredida com socos em meio à multidão. No momento pessoas em volta ficaram indignadas, mas o criminoso se misturou rapidamente na multidão e fugiu. O crime foi na plataforma dois sentido Rio Grande da Serra.

O rosto de Bianca ficou bem inchado após a agressão. Foto: Arquivo pessoal

O roubo nas estações tem sido freqüentes em especial nas estações de maior movimento como Luz, Brás e Palmeiras Barra Funda. Em paradas mais afastadas como na Linha 12-Safira e 7-Rubi o furto ou roubo acontece na hora do fechamento das portas, com uma rápida ação tomando o celular de algum passageiro que esteja vulnerável ou distraído e correndo para fora da estação. Nestes casos o número de aparelhos recuperado e de pessoas detidas é pequeno.

Arrastões acontecem periodicamente, muitas vezes após às 22h quando a quantidade de agentes de segurança e policiamento no entorno das estações é menor, oferecendo possibilidade de fuga em meio ao escuro. Ações deste tipo acontecem em áreas mais distante do centro como linha 12 entre Itaim e Manoel Feio, linha 7 de Vila Clarice em diante e linha 8 após Carapicuíba.

2 comentários »

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.